Em 40 dias, Cristo será entregue por nós, para a nossa salvação

Não é mais uma quaresma, mais um tempo especial que a Igreja vive e nós, cristãos, somos convidados a participar também. Essa deve ser a quaresma de nossas vidas, a que temos para viver. Um presente, uma dádiva. Simplesmente porque Deus nos dá a chance de estarmos vivos para vivê-la.

Recentemente, inúmeras tragédias acometeram os brasileiros, causando muita dor, perdas, comoção, união e solidariedade. Pode ser que você também tenha perdido um ente querido, ou um artista que admira. O ponto é que Deus nos dá o hoje para viver, sua misericórdia nos garante o sopro de vida para estarmos aqui, neste momento de nossa vida.

Convido você a, sob a perspectiva da eternidade, viver esta quaresma de modo inteiro, na certeza de que ela é única, é a quaresma “de hoje”.

Deus nos convida a lançarmos nossa vida na âncora da cruz, pelo jejum, a caridade e a oração. Se já nos esforçamos para viver estes pilares no ordinário de nossa vida, na quaresma podemos colher a graça derramada sobre nós, para que tudo seja intensificado.

Não percamos o tempo do amor, da penitência, da oração!  Que a páscoa chegue para nós com o tempero do céu, porque é ali que o Senhor  vence a morte e inaugura para nós a vida eterna.

Deus te abençoe!

Comentar

*

Facebook Twitter Instagram YouTube