3 dicas para fortalecer sua vida de oração

A vida de oração é o caminho mais autêntico para alcançar a intimidade com Deus. Por meio dela, Ele ampara nossas tristezas, responde nossas dúvidas e nos mostra Sua vontade através do tempo que dedicamos para a oração. Além disso, também somos guiados até o Céu quando rezamos. 

O Papa Francisco disse em uma de suas Catequeses sobre “rezar na vida cotidiana” que “a oração tem lugar no hoje. Jesus vem ao nosso encontro hoje, neste hoje que vivemos. E é a oração que transforma este hoje em graça, ou melhor, que nos transforma: apazigua a raiva, sustenta o amor, multiplica a alegria, infunde a força de perdoar.” 

Além disso, “às vezes parece-nos que já não somos nós que vivemos, mas que a graça vive e age em nós através da oração”, concluiu o Santo Padre.

São muitas graças, dons e respostas que alcançamos por meio da vida de oração. Portanto, é muito importante que todo católico dedique um tempo da sua vida para ela. 

Santo Afonso de Ligório tem uma frase que descreve muito bem a importância de possuir uma vida de oração forte e perseverante. Segundo o santo, a oração pode ser responsável pela nossa mudança de vida “dela depende conseguirmos o amor de Deus, a perfeição, a perseverança e a salvação eterna”. 

No entanto, compreendemos que para muitas pessoas é difícil se encontrar na oração e seguir esse compromisso com consistência e dedicação. Por isso, daremos algumas dicas que te ajudarão a fortalecer sua vida de oração.

Separe um tempo para a oração

Quando tiramos um tempo da nossa vida corrida e das nossas obrigações pessoais e profissionais para orar e fortalecer nosso relacionamento com Deus, começamos a caminhar rumo à santidade.

Determinar um horário de oração é muito importante, pois faz com que você se comprometa com ela, assim como firma um compromisso com o trabalho, por exemplo. 

Por isso, leve a sério esse tempo, faça todos os dias até mesmo nos finais de semana. Afinal, não dá para descansar da oração, da fé ou de Deus. 

Porém, se você está iniciando uma vida de oração, tenha equilíbrio. 

Pelo menos nesse começo, reserve 20 minutos e viva ele com qualidade e consistência. Com o tempo, se sentir necessidade, aumente para 40 minutos ou 1 hora. Mas respeite o seu ritmo e seu progresso espiritual. 

Uma vida de oração se fortalece com os Sacramentos

Além de dedicar algum tempo do dia para a oração, procure ter uma vida sacramental sólida. Ou seja, vá à Missa e receba a Eucaristia. 

Na Eucaristia recebemos o corpo de Deus vivo. Nós nos unimos a Ele e conseguimos ter uma vida mais consistente e fiel. Isso nos beneficia na vivência interior da oração. 

Além disso, procure se confessar com uma frequência considerável. 

De acordo com a Igreja, precisamos nos confessar pelo menos uma vez no ano. Porém, para estreitar e fortalecer ainda mais nosso relacionamento com Deus, devemos estar livres dos pecados. Para isso, a recomendação é buscar o sacramento da confissão mais vezes. 

Cultive a devoção a Nossa Senhora 

Ser devoto de Nossa Senhora é meio caminho andado em direção ao Céu. Afinal, Ela nos conduz com suas mãos maternas e amorosas até o seu Filho.

Por isso, a devoção a Nossa Senhora se faz necessária: ela nos guia à salvação! Além disso, a Virgem Maria nos conduz ao amadurecimento e ao fortalecimento da nossa vida de oração, Ela provoca em nós o desejo de conhecer mais a Deus.

Reze o terço mariano e peça a Nossa Senhora que te ajude nesta caminhada de fé e amor. 

Por fim, um conselho do Papa Francisco que te ajudará a se manter firme nesse caminho de oração: “somos seres frágeis, mas sabemos rezar: esta é a nossa maior dignidade, é a nossa fortaleza. Coragem!”. 

Compreender e seguir todas essas dicas certamente te ajudará a fortalecer sua vida de oração e sua fé.

Comentário

Your email address will not be published.Required fields are marked *

Facebook Twitter Instagram YouTube